Desintoxicação

A eficácia de qualquer tratamento a instituir terá sempre mais garantias de sucesso após a desintoxicação do organismo, quer em situações de doença, promoção da saúde, da vitalidade ou longevidade, de emagrecimento, de sessão tabágica ou outras dependências.

Por mais que se evite a toxicidade medicamentosa e radiológica dos exames complementares de diagnóstico, por mais que nos afastemos da poluição ambiental e por mais criteriosa que seja a escolha de alimentos saudáveis, desde o ar que respiramos, á água com que nos lavamos, que rega os alimentos que ingerimos, das radiações do meio ambiente às "emoções tóxicas" que vivenciamos, os agentes toxicos são inúmeros, sairam fora do nosso controle e são responsáveis por variadissímos problemas de saúde graves (cancro, doenças degenerativas, autoimunes, ...).

O organismo possui os seus próprios sistemas de limpeza e drenagem de toxinas (sistema gastrointestinal, renal, linfático, figado, pele, pulmões, etc...) no entanto e pelas mais variadissimias razões torna-se frequentemente ineficaz, quer pela sobrecarga de toxinas quer pela própria ineficácia ou falência dos referidos sistemas, tornando-se imprescindível um suporte externo para o auxiliar nesta função.

Para além de uma dieta equilibrada, do aporte adequado de líquidos, preferencialmente água, podemos recorrer a uma variada gama de suplementos alimentares com propriedades desintoxicantes, drenantes, purificantes ou ainda a equipamentos ou técnicas como a hidrolinfa, drenagem linfática, aplicação de emplastros na planta do pé, entre outros.